• Exército egípcio mata 12 alegados terroristas no Sinai

Dnoticias- As Forças Armadas egípcios anunciaram hoje a morte de 12 supostos terroristas e a detenção de 92 suspeitos no Sinai, noroeste do país, na sequência da operação de segurança que começou na sexta-feira.

Desde o início da campanha militar morreram 28 alegados terroristas e no total, desde o final da semana passada, 126 pessoas foram presas, segundo os comunicados que foram difundidos pelo porta-voz do Exército, Tamer al Refai.

As informações das Forças Armadas não especificam eventuais baixas militares ou civis.

O Serviço de Informação do Estado refere hoje que os "meios de comunicação estrangeiros só podem usar como única fonte" os comunicados oficiais do Exército e do Ministério do Interior.

A operação foi lançada a 15 dias do começo da campanha eleitoral para as presidenciais egípcias agendadas para os dias 26, 27 e 28 de fevereiro em que se candidata o atual presidente, o ex-marechal Abdelfatah al Sisi.

Tags

Feb 12, 2018 13:42 UTC
Comentários